Caio Ferreira – Diretor da e-Editora

Entrevistas de Sucesso - Caio Ferreira

Caio Ferreira

F undador de uma editora especializada em livros digitais e treinamentos pela internet, a e-Editora Publicações Eletrônicas Ltda. Caio Ferreira já se apresentou em diversas palestras e eventos de Marketing Digital como Tem Talks e Afiliados Brasil 2013.

Escreve sobre empreendedorismo digital e internet marketing em seu blog e está sempre em busca de novos objetivos.

Você pode encontrá-lo nas seguintes redes sociais:

Facebook Twitter Google+
1. Como começou a trabalhar com Internet Marketing e ganhar dinheiro?

Olá Robeilton e sua audiência, tudo bem? Primeiramente eu gostaria de agradecer o convite e espero que vocês gostem do nosso bate papo.

Eu comecei em 2009, quando decidi que queria fazer um intercambio. Eu era estagiário e recebia 600 reais por mês, por isso precisava de uma fonte de renda extra se realmente quisesse arcar com todos esses custos. Na época comecei a comprar e vender produtos da China para pagar a viagem e tudo saiu melhor do que eu imaginava, consegui realizar meus objetivos e fui morar na Irlanda por 8 meses. Durante todo esse tempo, eu estudei bastante internet marketing e li vários autores, o que culminou na criação de um curso online sobre compra e venda de produtos chineses, que hoje é o meu produto principal.

2. Qual foi seu primeiro post no blog? Qual era o assunto?

Eu demorei a começar a blogar. Mas meu primeiro post foi A verdade sobre ganhar dinheiro na internet que escrevi em maio de 2011, logo quando voltei do meu intercambio. O post fala exatamente que é possível sim ganhar dinheiro pela internet e trabalhando em casa, mas que não é fácil.

3. Qual foi seu maior erro?

Acho que foram vários na verdade. Mas se tiver que escolher alguns diria dois.

O primeiro foi gastar muito dinheiro à toa, investindo errado e não fazer uma boa gestão financeira do meu negócio.

O segundo foi ter um negócio baseado somente em um pilar, que era compra de tráfego, quando esse pilar foi afetado eu fui obrigado a inventar várias alternativas para reconstruir meu negócio e passei a lutar para sobreviver ao invés de crescer.

Como eu não tinha uma boa gestão financeira, quando o pilar do meu negócio caiu, eu não tinha um bom caixa e uma boa estrutura para continuar crescendo, e tive que praticamente começar de novo, desta vez focado em outros pilares.

4. O que aprendeu com ele?

Aprendi que devo gastar mais tempo e dinheiro com o foco de me tornar um empreendedor melhor. Estudar gestão de negócios, gestão de pessoas, gestão financeira e planejamento. Se eu tivesse feito tudo isso eu provavelmente não teria cometido esses erros. Mas eu não me culpo muito por que eu era bem novo na época que tudo isso começou e não tinha bagagem nenhuma. Acho que todos nós erramos, e o importante é reconhecer os erros e nos prepararmos para não cometê-los novamente.

5. Qual foi seu maior acerto?

Começar! Acreditar em mim quando ninguém me levava a sério. Lembro exatamente quando disse meu plano para os meus pais… eles não levaram a sério. Alguns amigos riam de mim. Às vezes a gente lê isso na internet, alguém dizendo isso, e acha que nossos amigos são diferentes, mas na hora que começamos a contar nossos sonhos eles não acreditam muito. De qualquer forma, eles não tem culpa, é muito difícil pensar fora da caixa.

Outra coisa que acredito ter sido muito importante foi contratar colaboradores para trabalharem comigo. Hoje conto com três pessoas que integram, junto comigo, o nosso time. Ter mais pessoas trabalhando comigo foi simplesmente um divisor na minha vida empresarial e sugiro para todos, que assim que houver necessidade e estrutura, comecem a contratar seus primeiros funcionários.

6. O que um iniciante nunca deve fazer?

Achar que é autosuficiente e não precisa estudar. E não deve fazer o que todo mundo faz também. Mesmo dentro da nossa comunidade, que é um grupo de pessoas que já pensa fora da caixa, o iniciante precisa pensar fora da caixa.

Há sempre um “pensar fora da caixa”, não importa o quão fora da caixa já estamos pensamos.

7. Em quanto tempo, seguindo as dicas do seu curso, um iniciante pode começar a ganhar dinheiro?

Isso depende muito de cada um, por que quando a pessoa tem mais facilidade com todo o processo, ela gasta muito menos tempo. Mas quando é uma pessoa que tem dificuldade, que nunca fez uma compra online, ela com certeza tem que gastar mais tempo estudando e aprendendo. De qualquer maneira, acredito que de 1 a 3 meses é o suficiente para qualquer um começar a faturar com importação de produtos da China.

8. Qual seu infoproduto/curso?

É o Importardor 360. É um curso em mais de 4 horas de vídeo aulas, com mais entrevistas em áudio com importadores, empresários e etc., livro texto e uma lista enorme de fornecedores da China. Sei que minha opinião é suspeita, mas acredito que o meu curso é o melhor do Brasil sobre o assunto. Eu ensino teoria sobre importação, como regularizar seu negócio, como importar sem ter capital inicial e ainda mostro vídeos práticos sobre como criar uma loja virtual, como vender no Mercado Livre, como criar um blog para sua loja virtual e como comprar da China, passo a passo… tudo isso em vídeo

9. Qual site de hospedagem você recomenda?

Uma coisa que costumo dizer é que a gente não pode descobrir se um serviço é bom até termos problema com ele. Recomendo o OrigiWeb. Utilizo a hospedagem deles à vários anos e o suporte é ótimo e resolvem todos os problemas que apareceram rapidamente.

10. Tem algum Autoresponder? Qual indica?

Indico o Mailchimp, que é o que eu utilizo. Mas sugiro também o Aweber, o Klickmail dentre outros…

Considerações Finais

Gostaria de agradecer ao Caio Ferreira por reserva um tempo para nos trazer um pouco de suas experiências e mostrar para todos aqui no Entrevistas de Sucesso como é possível ganhar dinheiro em casa e nunca desistir dos seus sonhos. Muito obrigado!

E você, o que achou desta entrevista? Responda nos comentários. 😉

Forte abraço,

Sucesso Sempre

Pin It on Pinterest

Share This

Gostou? Compartilhe...

Divulgue para os seus amigos!!